24.08.2017

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

SERVIDORES ADMINISTRATIVOS DOS SISTEMAS PRISIONAL E SOCIOEDUCATIVO FAZEM GRANDE MANIFESTAÇÃO NA SEDE DO GOVERNO DE MINAS
Mobilização contou com apoio do Sindasep, do Sindipúblicos e da Fesempre. Cerca de 500 pessoas participaram do ato.
Bruno Menezes
Da FESEMPRE, em Belo Horizonte - MG.


09/08/2017 • 19h52

Informações complementares:

Município: Belo Horizonte - MG


 

Analistas e técnicos dos Sistemas Prisional e Socioeducativo realizaram na manhã desta quarta-feira (09/08), uma grande manifestação pela valorização salarial das categorias, na Cidade Administrativa, Sede do Governo do Estado. O movimento contou com a organização e presença do presidente do Sindicato dos Auxiliares, Assistentes e Analistas do Sistema Prisional e Socioeducativo do Estado de Minas Gerais (Sindasep), José Lino Esteves e o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Públicos do Estado de Minas Gerais (Sindpúblicos), Geraldo Henrique. Ambos são também diretores da Federação Interestadual dos Servidores Públicos Municipais e Estaduais (Fesempre).

 

 

A concentração começou por volta das 8h, próximo à saída do túnel principal que dá acesso à Cidade Administrativa. A entrada foi bloqueada pelos servidores e a Polícia Militar teve que fechar o acesso de carros na entrada do túnel. Dessa forma, ele teve de ser feito por outras entradas. Segundo os Sindicatos, cerca de 500 pessoas participaram do movimento. A maioria veio em caravanas de diversas partes do Estado. Eles percorreram, em passeata, por diversos pontos da Sede do Governo. Em certo momento, se concentraram em frente ao Auditório Juscelino Kubitscheck, onde o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT-MG), participava de um evento interno.

 

 

“O grande volume de pessoas aqui hoje, mostra a insatisfação dos servidores. Fizemos um acordo salarial com o Governo em 2015 e até hoje ele não foi cumprido. O nosso objetivo principal é conseguir uma reunião com o Governo e que ele sinalize a construção de um cronograma para cumprimento do acordo”, explica o presidente do Sindasep e diretor da Fesempre, José Lino Esteves.

 

 

Após quase três horas de manifestação, com faixas, cartazes, apitos e gritos de ordem, o Governo de Minas aceitou se reunir com os sindicatos e representantes das categorias para debater as reivindicações. Em nome do Governo, participaram da reunião o assessor chefe de relações sindicais, Carlos Calazans e o diretor de recrutamento e seleção, Ronildo André da Silva.

 

 

Durante a reunião houve debates sobre o cumprimento do acordo salarial firmado. Calazans explicou a dificuldade financeira do Governo do Estado e sinalizou que, a médio prazo, não poderia ser concedido nenhum tipo de reajuste a qualquer categoria.
“Forçamos para que houvesse, ao menos, o início dos trabalhos para construção do Projeto de Lei. Os servidores estão impacientes e cobrando valorização. O acordo previa a construção de um grupo de trabalho para isso que até hoje não foi montado”, explica o presidente do Sindasep e diretor da Fesempre, José Lino Esteves.

 

 

Para que o acordo salarial seja cumprido, o Governo deve construir, em conjunto com as categorias, um projeto de lei que regulamenta a revisão dos vencimentos dos servidores e enviá-lo para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para votação. Para a construção do Projeto de Lei, o Governo pediu tempo às categorias, até que o relatório fiscal que será lançado no dia 30 de setembro seja emitido. Esse relatório, traz o Raio X financeiro do Estado.

 

 

Apesar de achar a data muito distante, os dirigentes e os servidores presentes concordaram com a proposta do governo. Assim, uma nova reunião para falar exclusivamente do acordo foi marcada pra setembro e outra reunião, dessa vez de posse dos dados financeiros do Estado, será realizada em outubro.

 

“Tivemos uma manifestação muito bonita hoje, com muitos servidores. Vamos aguardar agora o avanço das reuniões. Se não conseguirmos que o acordo seja cumprido, voltaremos a nos mobilizar aqui e com mais servidores, afinal a categoria está bastante insatisfeita”, pontuou José Lino Esteves.

 

 

Federação Interestadual dos Servidores Públicos Municipais e Estaduais
Assessoria de Comunicação - (31) 3274-2427
Email: jornalismo@fesempre.org.br
Curta nossa fan page: facebook.com/fesempreoficial

 

  • Voltar

  •  

Parceiros
Rua da Bahia, 1148 - 16º andar - Centro - Belo Horizonte | MG - CEP 30160-906 - 31 32742427
©2010 | 2017 FESEMPRE. Todos os direitos reservados.